Conseg intermedia repasse de R$ 75 mil do MPT ao Denarc

Para que o combate ao tráfico de drogas seja mais efetivo em Maringá e região, o Ministério Público do Trabalho (MPT), por meio do Conselho Comunitário de Segurança de Maringá (Conseg), fez o repasse de R$ 75 mil para a Divisão Estadual de Narcotráfico (Denarc).

Sob o comando do delegado Gustavo de Pinho Alves, o Denarc Maringá utilizou o recurso para a compra de dois drones, que auxiliam a investigação de rotas de traficantes e o cumprimento de mandados de busca e apreensão; 10 rastreadores; 30 canais de interceptação telefônica; curso de Arrais para todos os policiais obterem habilitação de condução de embarcação; e a manutenção de dois barcos, que foram equipados e serão utilizados no Rio Paraná, onde há rotas para transporte de drogas.

“Fiz o projeto, mas o Conseg teve participação fundamental nesse processo. O coronel Antonio Tadeu Rodrigues nos orientou e fez toda a intermediação. Com essas aquisições, que contribuem significativamente para a melhora das condições de trabalho, certamente conseguiremos ter mais efetividade no combate do tráfico de drogas”, destaca o delegado.

Os equipamentos estão em uso desde o início deste segundo semestre. Em novembro o processo foi finalizado com a conclusão da manutenção e com a autorização judicial de uso os barcos. “O projeto foi plenamente atendido e ficamos satisfeitos de, enquanto entidade, contribuir com os diversos setores de segurança pública”, comenta Rodrigues, presidente do Conseg.