​Atleta maringaense participa da maratona de Paris

O coordenador de relacionamento empresarial da Unimed Maringá, Ricardo Willian Chatalov, junto com a esposa e mais um casal de amigos viaja para França na próxima semana para participar da maratona de Paris. A competição acontece no dia 8 e já é a segunda internacional que ele participa. “Além das competições regionais, tenho participado de em média outras cinco por ano. Já corri no Rio de Janeiro, em São Paulo, Santa Catarina e em Barcelona”, conta.

O gosto pela corrida é antigo: Ricardo corre desde 2009, mas começou a se dedicar com mais afinco ao esporte nos últimos quatro anos quando começou a participar do grupo Energia Unimed. Segundo ele, o objetivo, é superar as próprias marcas, além, é claro, de se manter ativo em busca de saúde e bem-estar. “Apesar de ter algumas medalhas e troféus, minha intenção não é subir ao pódio, mas melhorar o meu desempenho em cada competição”, diz.

De acordo com o educador físico Edvando Souza dos Santos, que é treinador do Ricardo, o atleta evoluiu muito desde que começou a treinar e, por isso, a expectativa para a maratona de Paris é que ele volte de lá com uma nova marca. “Cerca de 80% das pessoas que participam do grupo têm a intenção de participar de competições, mas, para isso, reforçamos a importância de ter acompanhamento profissional, principalmente para quem quer percorrer distâncias maiores como os 42 quilômetros de uma maratona. Ricardo, por exemplo, desde que começou a treinar, já perdeu bastante peso e melhorou muito o ritmo e velocidade”, explica.

O grupo da Unimed Maringá, hoje formado por 130 corredores, começou integrando funcionários e cooperados (médicos), que fazem avaliação periódica, controle de evolução de medidas e evolução do tempo de corrida. Os participantes treinam duas vezes por semana com o auxílio dos professores, um grupo às segundas e quartas-feiras, e outro às terças e quintas-feiras, em locais variados da cidade. E aos finais de semana, os atletas recebem um treino para que possam fazer individualmente.