Sem fins lucrativos, Noroeste Garantias conquista clientes com juros baixos e atendimento ágil

Ao encontrar taxas de juros menores e satisfeito com a forma como foi atendido na Noroeste Garantias, Reginaldo da Silva Novaes decidiu ampliar os negócios e melhorar o capital de giro da Noroeste Ordenhadeira, que comercializa produtos agropecuários em Paranavaí e atende clientes de toda a região.

Ao perceber que a empresa estava pronta para crescer, ele não hesitou em tomar emprestados R$ 50 mil e pagar algumas contas. “A Noroeste Garantias foi uma ótima alternativa. Além dos juros muito mais baixos, achei o atendimento excelente, muito ágil”, elogia o empresário.

Ao assumir o papel de avalista, a Noroeste Garantias prova que é possível emprestar dinheiro a juros baixos, apostando, principalmente, na capacidade de empreender e respeitando o perfil de cada cliente. Sem fins lucrativos, a Noroeste garante o pagamento do empréstimo às instituições financeiras conveniadas em caso de inadimplência.

Para a empresária Suelen Rodrigues de Almeida, sócia da Fire Rodas, em Paranavaí, recorrer à Noroeste Garantias foi a estratégia mais acertada no momento de crise causado pela concorrência do comércio na internet. Ela ajuda a tocar uma das maiores empresas de comércio de acessórios para veículos da região. Suelen precisou de R$ 100 mil para dar novo fôlego à empresa e fazer ajustes no negócio, entre eles, investimento em marketing digital e adequação do quadro de funcionários. Feliz com a decisão de investir para inovar, a empresária revela o que pesou positivamente na hora de contrair o empréstimo. “Em termos de juros, vi que eram mais baixos e as parcelas cabiam no orçamento. Não adianta fazer um empréstimo e não dar conta de pagar”, analisa. & lt; span style=”font-size: 14.0pt;font-family:”Arial”,sans-serif”>

Só em 2018, mais de 100 empreendedores tiveram seus projetos aprovados e receberam a carta de crédito da Noroeste, totalizando mais de R$ 3,5 milhões em empréstimos. Desde 2011, quando a Noroeste entrou em operação, foram feitas quase mil operações e mais de R$ 37 milhões foram emprestados para micro e pequenas empresas, de 66 municípios do noroeste do Paraná.

Para ter acesso ao crédito, é preciso apresentar um plano de negócios ou pedir ajuda para montar um. O plano será avaliado por um comitê e se aprovado, o que acontece em 70% dos casos, uma carta de crédito é emitida. Com essa carta em mãos, o empreender busca uma instituição financeira conveniada.

A Noroeste possui agentes de crédito nas associações comerciais de Maringá, Umuarama, Mamborê, Ubiratã e Nova Esperança.