4º BPM divulga indicadores criminais do 2º trimestre

O 4º Batalhão da Polícia Militar apresentou, no Conselho Comunitário de Segurança de Maringá (Conseg), os indicadores criminais e resultados referente ao 2º trimestre (abril/maio/junho). O levantamento revela que foram registrados 837 ocorrências por furtos no município, sendo 247 em residência, 189 no comércio, 130 de veículos, 154 arrombamentos de veículos e 117 contra pessoas. No total, esse número representa uma queda de 20% no comparativo com o mesmo per&ia cute;odo no ano passado.

Quanto aos roubos, foram 302 ocorrências cometidas no período (42 contra o comércio, 228 a pessoas, 27 de veículos e 6 residências), com queda de 28% no comparativo com 2017. Maringá também teve sete homicídios no período, mas, no comparativo com o crescimento da população, houve redução de 44%, de 2011 a 2017. Quanto ao tráfico, foram 62 registros.

Em relação às providências, foram 567 pessoas detidas (queda de 10%), 22 armas apreendidas (queda de 15%), 107 veículos recuperados, quase 20 quilos de drogas apreendidas e 116 mandados de prisão (aumento de 10%).

Quanto aos encaminhados para audiência de custódia por cometer furto, 27 foram presos e 32 soltos, resultando em balanço de 54% de liberdade para os infratores. Já aqueles que cometeram roubo, 47 foram presos e 7 soltos, com saldo de 13% de liberdade. Por fim, 64 dos envolvidos com tráfico foram presos e 34 soltos, portanto, 35% dos casos ganharam liberdade.