Em 5 anos mais de 40 milhões de dias de trabalho são perdidos por causa de acidentes

De acordo com dados do Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho, entre 2012 e 2017, a Previdência Social gastou R$ 26,2 bilhões com benefícios decorrentes de acidentes de trabalho, ou seja, auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, pensão por morte ou auxílio-acidente. Isso significa que, nos últimos cinco anos, a cada 7 minutos R$ 1 foi desembolsado para esse fim. No mesmo período, 40,18 milhões de dias de trabalho foram perdidos por conta dos afastamentos.

Para lembrar a importância do tema, 27 de julho foi instituído Dia Nacional de Prevenção de Acidentes do Trabalho. A data é um marco na luta dos trabalhadores por melhorias nas condições de segurança e saúde no trabalho. De acordo com a supervisora do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT) da Unimed Maringá, Francieli da Silva, as causas mais comuns de acidentes de trabalho são a desaten ção e a falta do uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs). “Os EPIs são responsáveis por garantir a proteção e a integridade do trabalhador das ameaças à segurança e saúde no trabalho. Eles minimizam os riscos e até podem extinguir os riscos existentes”, diz.

O técnico em Manutenção, Rogério José Botácio, trabalha com reparos elétricos, hidráulicos e faz serviços em altura na cooperativa médica. Ele sabe bem a importância de se proteger. “Uma vez, em outro trabalho, furei a mão com uma chave de fenda porque não estava usando luva”, conta Bonifácio, que hoje tem os EPIs como partes da rotina de trabalho. “Uso óculos de proteção, protetor auricular, luvas e tudo mais o que a cooperativa pede e que vai garantir segurança”, diz.

A Unimed Maringá desenvolve diversas ações para promover a saúde e qualidade de vida. São palestras orientativas, ginástica laboral, grupos de Saúde Corporativa que abordam temas como o gerenciamento do estresse, promove a integração com terceiros e oferece treinamentos voltados à saúde e segurança no trabalho.