Em Comitês, associados da Sicredi aprendem sobre cooperativismo

Os membros dos Comitês Jovem, Mulher e Master da Sicredi União PR/SP – compostos por cerca de cem associados – se reuniram para o último encontro de capacitação da gestão 2017/2018, na Trecsson que fica no Catuaí Shopping Maringá. O evento, realizado nos dias 16, 17 e 18, contou com professores da Fundação Getúlio Vargas (FGV), que conduziram temas escolhidos pelos próprios participantes.

O Comitê Mulher, por exemplo, optou pelo tema “A mulher e a liderança cooperativa”, com reflexão sobre a atuação da mulher na sociedade, e não apenas no mercado de trabalho. “Foi muito proveitoso, a gente sai daqui certas de que é possível aplicar conceitos de cooperativismo e liderança no dia a dia”, afirma a associada e diretora de escola municipal em Prado Ferreira, Ana Paula Rodrigues..

Ela acrescenta ainda que participar do Comitê nesses últimos dois anos agregou muito conhecimento. “Embora eu seja associada há nove anos, ainda não tinha me atentado o funcionamento de uma cooperativa. Por isso, as capacitações foram fundamentais. Passei a admirar e a apoiar ainda mais dos trabalhos da Sicredi União, tanto que incentivei a implantação do Programa A União Faz a Vida nas escolas do município em que atuo”, afirma.

No Comitê Jovem, que abordou “Gestão cooperativa e planejamento estratégico”, o associado e empresário de Araras/SP, Sérgio Mateus Tólolli, também ficou muito satisfeito. “Ao conhecer como funciona a gestão cooperativa percebemos que, de fato, o cooperativismo é uma proposta que faz a diferença na comunidade, em especial pelos programas sociais e de sustentabilidade. Nosso mandato está chegando ao fim, mas quero continuar envolvido e, por isso, me candidatei para ser coordenador de núcleo”.

A “Gestão cooperativa” também foi tratada no Comitê Master. Para o agricultor Jose Piculli, que é associado há 21 anos, esse foi um momento para reaprender e se atualizar quanto às tendências de mercado. “Por ser mais experiente, às vezes, a gente pensa que já tem bastante conhecimento, mas sempre podemos aprender algo novo. Nesse sentido foi muito válido participar do Comitê e, certamente, vou repassar o conhecimento que adquiri sobre cooperativismo para outras pessoas. Afinal, o que contribui para o bem comum deve ser compartilhado”, afirma.

No dia 30 de novembro a Sicredi União vai promover a celebração de encerramento dos trabalhos desenvolvidos pelos Comitês nos últimos dois anos. O evento será em Maringá, no Buffet Grande Mesa, às 20 horas, e terá palestra seguida de jantar. Na ocasião também será anunciada a criação do Comitê Sustentabilidade.

Programa

Os Comitês funcionam assim: durante o primeiro ano de mandato, os associados participantes usufruem de capacitações específicas sobre cooperativismo, em encontros trimestrais, e visitam o Centro Administrativo Sicredi (CAS), em Porto Alegre/RS, que é a sede nacional do sistema. Nesse período também são discutidos pontos de melhoria e sugestões que podem ser adotadas pela Sicredi União nas áreas de gestão, produtos, serviços ou para programas os sociais e de sustentabilidade.

No segundo ano de mandato, os próprios associados elencam temas que gostariam que fossem desenvolvidos durante o programa de formação. Dessa forma, a instituição financeira cooperativa atende ao 5º princípio do cooperativismo, que é promover a educação e a formação de seus membros.

De acordo com a assistente de Programas Sociais, Gabriela Ottoboni de Castro, o resultado de todas essas medidas impacta diretamente o desenvolvimento sustentável da cooperativa. “Os membros dos comitês são líderes em suas comunidades e, por consequência, um importante canal de representação na instituição financeira cooperativa. No futuro, inclusive, eles poderão assumir cargos de coordenadores de núcleo ou de conselheiros na cooperativa, caso tiverem interesse”, declara.