Uniformes e fios sustentáveis dão origem a máscaras produzidas por cooperativas de Maringá

Uniformes e fios sustentáveis dão origem a máscaras produzidas por cooperativas de Maringá
Uniformes e fios sustentáveis dão origem a máscaras produzidas por cooperativas de Maringá

Sete cooperativas de Maringá se unem para apoiar o trabalho de enfrentamento à Covid-19. Elas estão produzindo 20 mil máscaras para a doação à entidades. A primeira entrega será nesta segunda-feira (dia 20), às 14 horas, no Albergue Santa Luiza de Marillac de Maringá. Na quarta, quinta e sexta-feira as doações serão destinadas, respectivamente, à Associação Paranaense de Amparo as Pessoas Idosas Wajunkai, Asilo São Vicente de Paulo e Rede Feminina de Combate ao Câncer.
Participam da ação Cocamar, Sicredi União PR/SP, Sicoob, Unimed, Uniodonto, Unicampo e Pluricoop. A iniciativa partiu da Unimed. Um time de 20 costureiras de Maringá, Paraíso do Norte e de Paranavaí trabalham na produção das máscaras, com o objetivo de gerar renda para suas famílias. Elas fazem parte de um projeto social apoiado pela Sicredi, intitulado ‘Vestindo minha família’ e utilizam como matéria-prima tecidos que seriam empregados na confecção de uniformes dos colaboradores da cooperativa de crédito e malhas de fios sustentáveis doados pela Cocamar (que produz os fios a partir de fibra de poliéster derivada de embalagens pet, recolhidas por catadores de rua). A Cocamar se comprometeu, ainda, a doar álcool etílico 70% para o trabalho das costureiras. Nas embalagens também há dicas de como manusear e higienizar as máscaras.
A ação é mais uma contribuição das cooperativistas para tentar conter a proliferação do novo coronavírus e deve somar neste ano com a realização do Dia de Cooperar. O chamado Dia C, evento tradicionalmente organizado por aquelas cooperativas no primeiro sábado de julho, celebra o Dia Internacional do Cooperativismo. No ano passado, mais de 500 voluntários, entre colaboradores e seus familiares, participaram da produção de 2,5 mil pizzas doadas a instituições do município, para que fossem vendidas e os recursos aplicados em seus projetos. E nos dois anos anteriores a união de voluntários das cooperativas produziu de milhares de fraldas geriátricas.
De acordo com expectativa do setor, Maringá deve ser declarada Capital Nacional do Associativismo ainda em 2020. Projeto de Lei já aprovado no final de 2019 pelo Senado, tramita para votação na Câmara dos Deputados.
As cooperativas garantem a produção de 20 mil máscaras, mas já estão pensando ainda mais longe. Se contarem com o apoio da comunidade, doando recursos financeiros, o esforço poderá chegar a 50 mil.

PARTICIPE
Qualquer pessoa pode participar dessa iniciativa, fazendo a contribuição de qualquer valor nas seguintes contas:

Sicredi União PR/SP
CNPJ: 79.342.069/0001-53
Banco: 748 (Banco Cooperativo Sicredi S/A.)
Agência: 0718
Conta Corrente: 09512-2

Sicoob Metropolitano Afusi
CNPJ: 04.809.528/0001-67
Banco: 756 (Banco Cooperativo do Brasil S/A.)
Agência: 0001
Conta: 63.318.414-4